Campanhas - CNBB

Campanha da Fraternidade 2021

“Fraternidade e Diálogo: compromisso de amor”

PROJETO “EXTRATIVISMO SUSTENTÁVEL RIO DOS COCHOS” AMPLIA GERAÇÃO DE RENDA PARA 155 TRABALHADORES RURAIS EM JANUÁRIA (MG)

De 1º de  julho de 2019 a 30 de junho, a Associação dos Usuários da Sub-bacia do Rio dos Cochos desenvolveu na comunidade rural de São Bento,  em Sambaíba, na diocese de Januária (MG), o projeto “Extrativismo Sustentável Rio dos Cochos”. A ação foi apoiada com recursos do Fundo Nacional de Solidariedade, oriundos da Coleta da Solidariedade do Domingo de Ramos, realizada na Campanha da Fraternidade de 2019.  Um total de 155 pessoas foram beneficiadas pelo projeto, entre homens e mulheres adultos, crianças, adolescentes e jovens.

De acordo com o responsável, Jerre Ribeiro Sales, por meio de diversas iniciativas nos campos do fortalecimento cultural, extrativismo vegetal sustentável, transição agroecológica e gestão de empreendimentos comunitários, o projeto buscou gerar trabalho e renda de forma sustentável, associado à a melhoria da qualidade de vida e à valorização do Cerrado em pé, alterando substancialmente a realidade socioeconômica da comunidade.

Venda dos produtos em Feira Agroecológica em Januária. Foto: arquivo da Associação.

A apoio do FNS permitiu implantar novas iniciativas de produção, beneficiamento e comercialização das espécies do Cerrado para a confecção de pães, biscoitos e bolos, produção de polpas de frutas do cerrado e demais frutas abundantes na região como goiaba e manga, além de geleias, compotas e doces. O projeto também trabalha com o mel das abelhas indígenas visando aliar os serviços ambientais.

Estruturação do  negócio

Uma ação do projeto foi a finalização estrutural da Unidade de beneficiamento de frutos do cerrado e de quintais implantada em Sambaíba, escolhida por ser a comunidade central da bacia do rio dos Cochos e pela facilidade na logística. Como ações do projeto, foram realizadas reuniões mensais para planejar as atividades, mutirões para ampliação da Unidade de beneficiamento com a participação dos sócios. Também foi realizado o planejamento estratégico para a produção, comercialização e gestão da unidade de beneficiamento.

A associação também fez um plano da coleta, com identificação e escolha das espécies produtivas, observando a necessidades de regeneração natural da fauna local.  No plano, definiu-se que a coleta dos frutos será feita em sua maioria pelos homens e o beneficiamento em sua maioria pelas mulheres da associação e da região.

Reforma da Unidade de Beneficiamento de frutos do cerrado e de quintais implantada em Sambaíba. Foto: Arquivo da Associação

O projeto permitiu a compra para materiais de construção da Unidade de Beneficiamento, realização de oficinas de beneficiamento do pequi e da polpa do fruto de coquinho, intercâmbio com as cooperativas Coopercuc e Cooproaf em Manoel Vitorino e Uauá, na Bahia, e a participação em eventos como a Feira Agroecológica em Januária,  Seminário Regional de Apicultura, Encontro das Comunidades Veredeiras, Evento acelera microcrédito – Agro-amigo do Banco do Nordeste e Seminário de frutos do Cerrado, entre outros.

Como resultados alcançados, o coordenador do projeto, destaca uma maior união dos sócios da associação e interação com a comunidade, resgate das tradições culturais e melhor qualidade de vida para os membros da associação por meio da fonte de renda extra. O projeto ainda está em execução e busca agora, segundo Jerre, uma adequação sanitária dos produtos. Segundo ele, é possível perceber maior entusiasmo dos sócios na execução dos trabalhos, na unidade e na permanência ativa da associação.

Fundo Nacional de Solidariedade (FNS)

A Campanha da Fraternidade tem como gesto concreto a Coleta Nacional da Solidariedade, realizada no Domingo de Ramos nas comunidades de todo o Brasil. Os recursos são destinados aos Fundos Diocesanos e Nacional da Solidariedade, que apoiam projetos sociais relacionados à temática da campanha de cada ano.

Em 2019, o Fundo Nacional de Solidariedade (FNS) distribuiu a quantia de R$3.814.139,81, atendendo a mais de 238 projetos. Em 2020, por causa da pandemia, não ocorreu arrecadação. Conheça alguns projetos apoiados pelo FNS. O portal da CNBB está divulgando, desde o dia 10 de fevereiro de 2021, uma série de matérias sobre cada um dos projetos apoiados em 2019.

Desde 2018, o FNS disponibiliza um site onde é possível acompanhar e saber como anda a evolução da prestação de contas de cada projeto, por meio do Portal da Transparência que pode ser acessado pelo endereço: www.fns.cnbb.org.br. Nele, há uma relação completa dos projetos aprovados. A CNBB também presta contas ao Ministérios da Cidadania e Justiça do Governo Federal, ao Ministério Público e ao Conselho de Assistência Social (CAS).

Fonte: CNBB

Edições CNBB

CNBB - Conferência Nacional dos Bispos do Brasil

SE/Sul Quadra 801 Conjunto “B” - 70200-014 - BRASÍLIA – DF
Fone: (61) 2103-8300 - Fax: (61) 2103-8303